Leitores de placas estão em 48 pontos da cidade para inibir ações criminosas. Sistema que identifica carros furtados e roubados está funcionando em Rio Claro
Começou a funcionar em Rio Claro (SP) o sistema Detecta que identifica veículos roubados e furtados ao passarem pelos 48 pontos de monitoramento espalhados pela cidade.
Os Leitores Automáticos de Placas (LAP) foram colocados em 38 equipamentos de fiscalização de trânsito, semáforos e lombadas eletrônicas. Outros dez foram instalados separadamente, sobretudo na entrada da cidade.
Segundo o secretário de Segurança de Rio Claro, Marco Antonio Melli Bellagamba, desde que o sistema foi implantado para testes em abril o número de ocorrências de roubos e furtos de veículos caiu para 55%.
Operação
Assim que um veículo furtado passa pelo leitor, o sistema recebe a informação, que chega para a Polícia Militar e Guarda Civil Municipal (GCM). A viatura mais próxima é acionada, o que dá mais rapidez na procura e localização do veículo.
Qualquer situação criminal que envolva veículos pode ter sua resolução auxiliada por meio do sistema Detecta, como assaltos ou sequestros.
Uma vez que a placa do veículo usado no crime seja inserida no sistema, quando passar por um equipamento de monitoramento, a polícia e a GCM recebem a informação em poucos segundos.
O sistema Detecta é uma ferramenta do governo estadual que integra informações dos bancos de dados das polícias Civil e Militar, do Registro Digital de Ocorrências (RDO), Instituto de Identificação (IIRGD), Sistema Operacional da Polícia Militar (SIOPM-190), Sistema de Fotos Criminais (Fotocrim), entre outros.
Veja mais notícias da região no G1 São Carlos e Araraquara.

Mais detalhes