Eles combinam compra de combustíveis para provocar incêndios nas linhas Vermelha, Amarela e na Avenida Brasil. Prisão de homens apontados como chefes do tráfico terminou em confronto. Por rádio, criminosos combinam de fechar vias importantes do Rio
A polícia interceptou uma conversa entre criminosos onde eles combinavam comprar combustível para provocar incêndios nas linhas Vermelha, Amarela e na Avenida Brasil, as três vias expressas mais importantes do Rio.
Na manhã desta quarta-feira (12), a prisão de homens apontados como chefes do tráfico do RJ terminou em confronto e vias fechadas. O maior tumulto foi no Complexo da Maré, na Zona Norte, margeado pelas linhas Vermelha e Amarela, que foram interditadas.
Em um trecho do diálogo, os bandidos combinam o que eles iriam comprar para executar o plano.
— Vamos fazer esse vandalismo aí na Linha Vermelha?
— Já estou agitando aqui. Já agitando.
— Manda o mototáxi comprar a gasolina ou então álcool mesmo no mercado aí.
Segundo os criminosos, o objetivo era “parar a linha Vermelha, Amarela e a Brasil”, que são as três principais vias expressas da capital fluminense. Eles chegam a afirmar que “os ‘alemão’” estavam cercados. A gíria é usada para se referir aos inimigos – traficantes ou policiais.
Na manhã desta quarta-feira (12), a prisão de homens apontados como chefes do tráfico do RJ terminou em confronto e vias fechadas. O maior tumulto foi no Complexo da Maré, na Zona Norte, margeado pelas linhas Vermelha e Amarela, que foram interditadas.
Pelo menos duas pessoas foram vítimas de balas perdidas, e um policial militar foi baleado.
Os confrontos se intensificaram quando Paulo Roberto Silva Taveira, o Cara Preta, foi atingido em um tiroteio com agentes do Batalhão de Operações Especiais (Bope) na Vila dos Pinheiros.
Segundo a polícia, Cara Preta controla o tráfico de drogas do Chapéu Mangueira, no Leme, Zona Sul do Rio. Ele foi levado sob custódia para o Hospital Geral de Bonsucesso e tem o quadro de saúde estável.
Em reação à prisão de Cara Preta, houve mais tiroteio na Linha Vermelha, que foi fechada por alguns momentos. Também houve princípio de confusão na Linha Amarela, na altura da Vila do João, após um grupo tentar interditar a via. O grupo jogou pedras, paus e entulhos na pista.

Mais detalhes